Pesquisa de propriedades
Pesquisa avançada

Gastronomia

Algarve

A rica e variada gastronomia é também um dos cartões de visita do Algarve, juntando receitas da zona costeira e das regiões do interior.

 

As refeições básicas são compostas por peixe, carne, vegetais e fruta. Apesar das águas portuguesas serem ricas em peixe, o bacalhau, frequentemente importado, é considerado o prato nacional. Por altura do Natal, enquanto noutros países se come perú, em Portugal come-se bacalhau cozido, temperado com azeite e acompanhado com batatas, couves e grão cozido.

A rica e variada gastronomia é também um dos cartões de visita do Algarve, juntando receitas da zona costeira e das regiões do interior.

Terra de pescadores virada para o mar, o Algarve é apenas um dos muitos paraísos gastronómicos portugueses dedicado aos que apreciam peixe e marisco.

Todas as manhãs chegam barcos com peixe acabadinho de pescar que é, depois, sabiamente preparado pelos algarvios nos muitos restaurantes espalhados um pouco por todo o lado. Alguns dos pratos mais populares são as sopas de peixe, o arroz de polvo, búzios com feijão, o guisado de peixe e a açorda de marisco. Deliciosos!

O interior conta-nos uma história com hortas, rebanhos de ovelhas alimentadas pelas verdes montanhas e o cheiro de flores selvagens. Desde as favas à galinha com cerejas e ao guisado de grão, todos os pratos do interior têm um sabor caracteristicamente rural.

No entanto, o primeiro lugar no pódium da gastronomia algarvia vai para a doçaria. Entre as inúmeras tentações, encontra os Dom Rodrigos, os Morgadinhos, os figos e muitas outras especialidades feitas de amêndoa, mel e doce de figo. A tradição destes doces data da Era das Descobertas e teve a sua origem nos conventos, razão pela qual estes doces são também designados doces conventuais.